Recursos Humanos

6 dicas infalíveis sobre como reduzir o turnover da sua empresa

julho 11, 2018
como reduzir o turnover
Tempo de leitura 5 min

As novas gerações estão cada vez mais exigentes quando o assunto é relacionado às suas carreiras.

Os novos profissionais querem desafios, qualidade de vida no trabalho, constante aprendizado e reconhecimento pelo seu desempenho. Eles já não se contentam em entrar em uma grande empresa e permanecer até sua aposentadoria. Então, como reduzir o turnover da sua empresa?

Turnover é o termo que se refere à alta rotatividade de colaboradores nas organizações, ou seja, quando há uma taxa elevada de contratações e desligamentos de funcionários.

Existem diversos fatores que causam esse turnover, sendo os mais comuns a baixa qualidade do clima organizacional, a falta de oportunidade de crescimento, o salário incompatível com a função exercida, a falta de motivação, entre outros pontos.

É imprescindível que a área de recursos humanos de uma empresa dedique esforços, não apenas para atrair os maiores talentos do mercado, mas também para garantir a satisfação e a constante motivação dos colaboradores.

Pensando nisso, reunimos 6 dicas infalíveis para reduzir o turnover da sua empresa. Vamos lá?

1. Aposte em um bom processo seletivo

O primeiro passo é investir em um processo seletivo eficiente para encontrar os melhores talentos. Mas, além disso, é importante garantir que eles se encaixem na cultura organizacional e estejam de acordo com a proposta oferecida pela sua empresa.

Somente assim será possível montar um time que trabalhe em prol de um mesmo objetivo e que fale a mesma língua.

Para isso, busque referências em instituições que sejam reconhecidas pela excelência em seus processos seletivos e invista em treinamentos e capacitações para a área de recursos humanos. 

Além disso, garanta que essa equipe esteja sempre de acordo com os valores da empresa, para que possam identificar talentos que também se encaixem nesse perfil.

Poder contar com um processo eficiente é de suma importância para identificar os talentos mais adequados para sua empresa. Portanto, o RH é uma área que merece muita atenção e cuidado, pois uma vez que é feita uma escolha errada, pode resultar em grandes perdas para a organização.

2. Proporcione um bom plano de carreira

Após selecionar os melhores talentos para ingressarem na sua equipe, é preciso pensar em formas de fazer com que eles se sintam motivados em entregar sempre o melhor de si para a organização.

Nada pior do que sentir que não há mais chances de crescimento em um local. Por isso, nesse momento, contar com um bom plano de carreira é indispensável.

É necessário garantir que seus funcionários se engajem com a equipe e pensem duas vezes antes de cogitar a possibilidade de ir para uma outra empresa. Para isso, deixe bem claras as possibilidades de crescimento dentro do time, destacando que seu bom desempenho poderá levá-los muito além.

Oferecer planos de carreira é uma excelente maneira de construir um relacionamento de confiança, cedendo espaço para que o funcionário cresça profissionalmente e evitando os custos provindos do turnover.

3. Invista em treinamentos

Investir em treinamentos técnicos, comportamentais, reciclagens de conhecimento, palestras e workshops é uma ação essencial para que os colaboradores se desenvolvam profissionalmente e entreguem resultados cada vez melhores em seus projetos. 

Além de aumentar o grau de conhecimento, esses fatores são extremamente importantes para manter os membros da equipe motivados e alinhados com os propósitos da empresa, já que, com o passar do tempo, é normal que muitos pontos acabem caindo no esquecimento.

4. Pratique o feedback

A falta de comunicação interna é um dos problemas mais recorrentes nas organizações. É preciso estabelecer um diálogo claro e saudável, a fim de construir uma relação de confiança e alinhar o desenvolvimento profissional do colaborador com os objetivos da empresa.

Para isso, inclua reuniões periódicas na rotina organizacional, para que seja dado esse feedback. Assim, o gestor poderá compreender como os funcionários estão se sentindo em relação ao ambiente da empresa, às atividades realizadas e aos pontos que eles identifiquem a necessidade de mudanças.

Também é importante que o gestor observe o desempenho individual de cada colaborador e dialogue com ele sobre os pontos positivos e os que precisam de melhorias.

Estabelecer um canal de comunicação como esse é essencial para mostrar que a empresa acompanha de perto as atividades de cada um e realmente se preocupa com a opinião dos funcionários.

5. Ofereça benefícios por desempenho

A politica de oferecer benefícios por desempenho é uma das ferramentas de gestão de pessoas que mais surtem efeito positivo, pois cria um senso de meritocracia: cada um é bonificado de acordo com seu nível de contribuição para o crescimento da empresa.

Essa bonificação não precisa ser feita obrigatoriamente de forma monetária. Conceder uma folga extra, oferecer uma viagem ou um jantar com direito a acompanhante já pode servir como incentivo e reconhecimento pelo bom trabalho prestado.

Muitas vezes, porém, é mais indicado oferecer bonificações menores para que mais colaboradores tenham a chance de gozar desse benefício.

6. Promova um ambiente agradável

Passamos boa parte de nossas vidas trabalhando, então por que não investir em um ambiente de trabalho leve e agradável? Além de aumentar a produtividade dos colaboradores e tornar a jornada de trabalho mais prazerosa,  esse tipo de ambiente incentiva a integração entre as equipes e a colaboração nas atividades.

Promover pequenos eventos como festas de confraternização no final do ano, happy hours, celebrações de datas comemorativas e almoços que envolvam toda as equipes são formas de incentivar as relações entre os membros dos times, reforçando um ambiente emocionalmente saudável no dia a dia.

Independentemente do seu ramo de atuação, contar com a ajuda de uma consultoria especializada pode ser o ponto-chave para o sucesso da sua empresa, pois elas oferecem serviços de qualidade e soluções inteligentes para implantar as melhores práticas de gestão.

Agora que você aprendeu essas 6 dicas de como reduzir o turnover da sua empresa, lembre-se de botá-las em prática e ficar sempre atento aos possíveis sinais de infelicidade dos colaboradores, tomando as medidas necessárias para promover o bem-estar de todos.

Gostou das dicas? Então, entre em contato conosco agora mesmo para saber como podemos ajudar a sua empresa!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário