Gestão

Confira como fazer um plano de ação em 7 passos práticos

maio 10, 2019
Tempo de leitura 3 min

Existem documentos que são essenciais para o crescimento estratégico e sustentável da empresa. É por meio deles que se torna possível realizar processos orientados e bem estruturados. Afinal, é apenas assim que as organizações conseguem se desenvolver. 

Nesse sentido, um plano de ação é essencial para alcançar grandes resultados. Trata-se de um projeto com uma série de definições para atingir um objetivo, sendo uma importante ferramenta interna.

Leia nosso artigo e confira como criar um plano de ação eficiente em 7 passos e aplique-os em seu negócio.

1. Defina seus objetivos

Um dos primeiros passos do plano de ação está na ordem de planejamento. Afinal, sem saber para onde ir, é difícil determinar ações eficientes, não é mesmo? Então pense: o que eu quero alcançar? O que eu almejo para minha empresa a curto e longo prazo?

2. Crie metas mensuráveis

Outro ponto importante da fase de planejamento é verificar se as suas metas são mensuráveis. Caso não sejam, deixe-as para depois. Um bom plano de ação inclui apenas as metas que podem ser monitoradas e verificadas ao longo do tempo.

3. Liste o que deve ser feito

Esse é um passo intermediário, entre o planejamento e a execução, que deve constar no documento de plano de ação. Devem ser listados todos os pontos necessários, bem como os recursos necessários para que as ações sejam realizadas. Lembre-se de ser bem minucioso nessa etapa.

4. Delegue tarefas

Essa etapa é crucial para que cada colaborador saiba qual é a sua competência. Portanto, defina bem as funções a serem realizadas dentro dos processos internos da empresa e quem vai realizar cada uma dessas tarefas. 

5. Coloque em prática o que foi previsto

Como será colocado em prática o que foi previsto no plano? Quais serão as ações tomadas? Em quanto tempo elas devem ser feitas? Quais serão os recursos utilizados etapa a etapa? Essas questões são importantes para conscientizar todos acerca dos seus respectivos papéis e reunir as condições necessárias para execução do trabalho.

6. Analise a execução de tarefas

Se tudo já estiver sendo colocado em prática, é hora de avaliar a execução das tarefas. Afinal, muitas vezes, o plano pode ser excelente, mas bastante diferente na prática. Por isso, esse monitoramento é essencial. Dessa forma, verifique se todos estão realizando seus papéis adequadamente. Caso não estejam, avalie se houve falhas no planejamento.

Esses pontos precisam ficar claros para saber exatamente o que precisa ser ajustado. Isso pode ser feito por meio de diagnóstico organizacional, por exemplo.

7. Analise e revise o plano de ação

O próprio plano de ação precisa ser constantemente analisado e revisado. Por isso, é fundamental que os gestores implementem medidas de monitoramento a fim de detectar a necessidade de modificação ou, até mesmo, rever todo o conteúdo.

Saber como criar um plano de ação é fundamental para conseguir estabelecer estratégias eficientes para sua empresa, potencializando o crescimento e minimizando erros que possam acarretar em prejuízos. Também é um componente importante para a implementação da melhoria contínua de processos.

Quer mais dicas que auxiliem no desenvolvimento do seu negócio? Assine nossa newsletter e receba os artigos e informações diretamente em seu e-mail.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário