Gestão

O que é BPM e quais são os benefícios para o meu negócio?

setembro 11, 2019
saiba sobre o bpm
Tempo de leitura 6 min

Garantir a melhoria das rotinas produtivas da sua empresa é fundamental para conseguir melhores resultados a longo prazo e para obter o melhor potencial dos seus colaboradores. No entanto, os processos de negócio precisam permitir esse tipo de situação e, para isso, você deve saber o que é BPM.

O BPM é uma das formas de melhorar o gerenciamento interno da sua empresa. Aliado das inovações tecnológicas, sua implementação pode trazer melhorias significativas para seu negócio.

Continue lendo nosso artigo e entenda o que é BPM, veja seus benefícios e tire suas dúvidas sobre esse tema tão importante para as organizações.

O que é o BPM?

BPM é a sigla para Business Process Management (ou Gerenciamento de Processo de Negócio, em português). Diz respeito a um protocolo de gerenciamento de processos dentro de uma empresa que pode ser adaptável a realidade de cada uma delas, de acordo com suas demandas internas.

Ele é composto de diversas técnicas, ferramentas, metodologias, entre outros artifícios gerenciais, que auxiliam justamente em um melhor controle do gerenciamento do negócio. Além disso, garante melhor uso dos recursos da organização.

Outro ponto importante é que ele busca interligar pessoas, fluxos de informações, sistemas e outros pontos relevantes do negócio. Com isso, permite a geração de maior valor para o cliente.

Um grande diferencial dele é que o desenho da metodologia BPM é focado em pessoas, o que torna seu uso mais fácil e intuitivo para os colaboradores. Ele também tem um grande ganho por dar ênfase no papel humano nos processos internos da empresa.

Para que ele serve?

Seu objetivo é conseguir sistematizar e tornar as rotinas de processos organizacionais complexos mais simplificados e facilitados, tanto dentro quanto fora das empresas, com foco em atender às expectativas e demandas dos clientes.

Também visa trazer maior transparência sobre como os processos são executados. Com isso, é possível realizar melhorias contínuas para melhores tomadas de decisões e para uma visão do negócio como um todo.

Quais as etapas do BPM?

Como o BPM pode ser aplicado nas rotinas internas da sua organização? Para isso, é preciso seguir alguns passos fundamentais, como veremos a seguir.

Mapeamento de processos

Um dos passos mais estratégicos tem por objetivo identificar, compreender e otimizar os processos internos da empresa. Isso deve ser feito de forma documentada, com os detalhes de todas as fases de funcionamento do negócio, incluindo o responsável por cada etapa.

Por isso, é possível avaliar tudo sobre os processos analisados e definir o que está funcionando corretamente, o que precisa ser alterado e o que precisa de adequação para atender às demandas do BPM. Pode ser o momento para aproveitar e realizar um diagnóstico organizacional em sua empresa.

Padronização de processos

A ideia é padronizar processos realizados por diversas pessoas, de forma a criar um modelo de execução de tarefas em seu negócio. Isso é importante para que você tenha um alinhamento sobre as atividades internas da empresa.

Isso não significa engessar o processo, mas gerar um alinhamento necessário para executar as ações de forma padronizada, conseguindo maior excelência operacional.

Melhoria de processos

Também pode ser chamado de Business Process Improvement (BPI), é o momento de “arrumar a casa” e realizar as melhorias necessárias para fazer sua organização ir para frente. Para isso, é essencial verificar as análises realizadas anteriormente e planejar quais são as mudanças que precisam ser feitas para obter melhores resultados.

Otimização de processos

Após realizar as mudanças necessárias, é hora de otimizar os processos. Esse momento corresponde ao conjunto de ações que os gestores realizam para encontrar formas de melhorar as mudanças implementadas anteriormente, explorando oportunidades de melhorias e aprimorando aquilo que precisa ser aprimorado.

Quais são os benefícios do gerenciamento de processos de negócios?

Confira quais são as principais vantagens de implementar o BPM em seu negócio.

Introduz uma visão holística

Por meio do BPM é possível aplicar uma visão holística em seu negócio, capaz de trazer uma série de mudanças significativas para a organização, tais como:

  • o lucro deixa de ser um objetivo e passa a ser uma consequência das ações internas da organização;
  • o investimento no RH da empresa deixa de ser visto como um mero gasto e passa a ser um investimento considerável;
  • os seus clientes não são mais apenas números, mas também se tornam parte da organização, sendo o foco de todas as ações;
  • a organização deixa de ser um amontado de setores trabalhando de forma separada para ser um sistema interligado;
  • a organização passa a ser vista como um grande processo, no qual estão contidos vários processos menores.

Otimiza processos internos

Um dos pontos principais que o BPM implementa nas empresas é a melhoria contínua de processos. Isso torna as ações internas mais eficientes, focadas de fato nas melhorias da empresa e com maior capacidade de mudança.

O BPM também prioriza a inovação, flexibilidade e integração com a tecnologia. Esses três pilares são fundamentais para o crescimento de qualquer organização, seja no que diz respeito ao crescimento quantitativo, ou seja, no crescimento das vendas da empresa, seja para a melhoria da imagem da organização no mercado, gerando um aumento do valor intangível da empresa no mercado.

A transparência promovida pelo método também é uma aliada fundamental para a otimização de processos internos. Se você enxerga melhor o que está acontecendo, consegue identificar mais rapidamente possíveis gargalos que possam estar atrapalhando as atividades da sua organização.

Mapeia e padroniza processos

O principal objetivo do BPM é justamente ter um mapeamento dos processos complexos de gerenciamento, de forma que seja possível não só observar e analisar como são feitas as ações atualmente, mas também para realizar melhorias nos processos de gestão.

Com isso, é possível não só identificar o que é feito, ponto a ponto, dentro da sua empresa, mas também padronizar as ações de todos os setores e de todas as unidades da organização, para que tenha uma sinergia entre todos esses pontos.

Reduz desperdícios e falhas

Maximizando a eficiência, é possível reduzir os desperdícios internos de recursos, sejam eles insumos ou financeiros, de forma a conseguir melhorar o uso de cada um deles internamente. Além disso, ao diminuir as falhas, é possível reduzir os custos envolvidos com os processos de refação, minimizando custos a longo prazo.

O BPM é uma forma de trazer inovação, tecnologia e otimização de processos para sua empresa, conseguindo melhores resultados e facilitando as rotinas internas do seu negócio.

Entendeu o que é BPM e como ele pode ajudar o seu negócio? Quer mais dicas para otimizar a sua empresa e torná-la mais produtiva? Então, curta nossa página no Facebook e veja nossas publicações diretamente em seu feed de notícias!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário