Recursos Humanos

Quer saber o que é a gestão de pessoas outsourcing? Veja aqui!

julho 9, 2019
Tempo de leitura 6 min

A gestão de pessoas outsourcing é uma vertente do BPO (Business Process Outsourcing ou Terceirização de Processos de Negócio, em português). O conceito nasceu nos Estados Unidos e hoje já é aplicado em empresas de diversas partes do mundo.

Aqui no Brasil, a metodologia ainda é confundida com a terceirização convencional, quando uma empresa contrata outra para prestar serviços básicos como limpeza, manutenção etc. No entanto, no outsourcing, são contemplados os setores que apoiam diretamente as atividades-fim.

Para entender melhor a diferença entre BPO e terceirização, além das vantagens e impactos da gestão de pessoas outsourcing, confira este artigo com os principais pontos sobre o assunto. Boa leitura!

Qual a diferença entre Business Process Outsourcing e Terceirização?

O BPO também é traduzido como terceirização. Já no dicionário temos as seguintes definições: “contratação de terceiros por parte de uma empresa; transferência de determinada função de uma empresa a outra”.

Os conceitos apresentados podem ser utilizados tanto para o BPO quanto para uma estratégia convencional. A grande diferença entre as duas metodologias está na abrangência de atividades.

Terceirização

Na terceirização são compreendidas atividades mais rotineiras, de menor valor para o negócio. Além de não estarem ligadas a áreas centrais do negócio, são funções que não exigem tanto conhecimento técnico, apenas treinamento específico com pouco aprofundamento. Entre elas podemos citar:

  • transporte;
  • segurança;
  • limpeza.

Outsourcing

Por sua vez, o outsourcing é mais estratégico, exige maior profissionalismo e preparo técnico da empresa parceira. Ou seja, a cobertura se dá sobre atividades que influenciam no funcionamento do negócio, tais como:

  • sistemas de informação;
  • controle financeiro;
  • gestão de pessoas;
  • força de vendas.

A gestão de pessoas outsourcing é um ótimo exemplo. Uma atividade essencial para a estabilidade do negócio, que demanda um preparo e infraestrutura que não são encontrados em uma terceirização convencional.

Quais as vantagens da gestão de pessoas outsourcing?

Agora que você já entendeu as principais características do BPO, é hora de detalhar as vantagens e a importância da gestão de pessoas outsourcing. Acompanhe!

Economia

A gestão de pessoas inclui algumas das atividades mais complexas de uma empresa, como recrutamento, contratação e humanização. Além de demandarem conhecimentos específicos, essas funções necessitam de investimentos para serem executadas.

Isso exige que a empresa utilize capital financeiro ininterruptamente, ainda mais quando acontece algum imprevisto com os colaboradores.

Ao optar pela gestão de pessoas outsourcing, o empreendedor transfere a responsabilidade para uma parceira, que precisa de poderio financeiro e técnico para cumprir as funções. O resultado, logicamente, é a economia de recursos e de tempo para a marca contratante.

Foco no crescimento

Ao longo do texto reforçamos a ideia de que o outsourcing não se limita a atividades básicas, como acontece na terceirização convencional. Nesse caso, mesmo com a participação de outros, a empresa precisa se preocupar com contratações, questões financeiras, contabilidade etc.

Na prática, o modus operandi da estratégia convencional só é interessante quando todas as outras áreas funcionam perfeitamente sem nenhum contraponto no caixa financeiro — o que é praticamente impossível.

Com o BPO de gestão de pessoas é possível que a organização “se desligue” de uma atividade fundamental e direcione a atenção para o seu crescimento.

É claro que o acompanhamento de avaliações e métricas ainda precisa existir, mas por contar com a participação de um especialista, a tranquilidade em focar outras áreas é muito maior.

Garantia de segurança nos serviços prestados

Como explicado, uma gestão de pessoas outsourcing é responsável por recrutar, selecionar e treinar os profissionais que executarão serviços para a empresa principal. Esse tipo de metodologia traz maior tranquilidade quanto ao trabalho a ser desenvolvido.

Quando a sua organização opta pela estratégia, ela só solicitará pessoas para cargos vagos, ou seja, para funções que realmente precisam de funcionários. A ação do outsourcing é recrutar os melhores e mais preparados do mercado e remanejá-los de acordo com a sua necessidade.

Otimização dos processos

Outro benefício claro do outsourcing é a otimização de processos. Diferentemente do modelo simples, aqui, a ideia de aperfeiçoamento é intrínseca. Empresas que trabalham nesse ramo entendem que devem oferecer sempre serviços e profissionais diferenciados.

Com esse conceito sendo parte do DNA ou da cultura organizacional do nicho, a empresa contratante tende a contar com aprimoramento nos processos e maior eficiência na rotina diária. E quanto maior o know-how do prestador de serviço, maior a qualidade empregada na contratante.

Isso também reflete nos profissionais efetivos da empresa, pois há uma troca constante de conhecimentos, o que aumenta as chances de desenvolvimento geral e melhor fluxo produtivo.

Probabilidade maior para aproveitamento de oportunidades

Em um mercado tão competitivo, muitas oportunidades aparecem sem que as empresas estejam preparadas para aproveitá-las. Algumas chances são desperdiçadas em razão do capital estourado, em outros casos, a organização não conta com os profissionais adequados.

O outsourcing pode transformar a sua empresa também nesse sentido. Como explicado, a estratégia tende a refletir na diminuição de gastos a longo prazo, tornando o caixa financeiro mais saudável.

Além disso, ao implementar o BPO, a empresa sempre terá profissionais qualificados e diferenciados a seu serviço, garantindo o aproveitamento de toda oportunidade interessante para o negócio.

Quais são os impactos da estratégia para os resultados da empresa?

No passado, a gestão de pessoas se resumia à contratação e demissão de funcionários. Isso acontecia, pois havia uma ideia de que os profissionais eram peças necessárias para o meio de produção e nada mais. É claro que tinham algumas exceções, mas, em geral, a visão era essa.

No entanto, com mais informações e preparo, os gestores passaram a entender a importância da participação dos funcionários. Hoje, entende-se que uma empresa é forte quando tem profissionais engajados, atualizados e motivados.

Mas, como explicado, esse trabalho de suporte e treinamento é custoso, tanto em termos financeiros quanto de tempo. É nesse ponto que a estratégia de outsourcing faz toda diferença para os resultados da empresa.

Especialistas em gestão de pessoas sabem exatamente como uma marca deve se organizar e se estruturar para desenvolver corretamente os seus profissionais. Uma empresa parceira conta com os investimentos, ferramentas adequadas e o conhecimento técnico para encontrar os melhores colaboradores para o seu negócio.

Ficar preso a conceitos do passado é um grande risco no mercado atual. Metodologias como a gestão de pessoas outsourcing podem ser a solução para a sua empresa alcançar a excelência esperada sem precisar estourar os recursos financeiros. Vale a pena analisar as principais dificuldades do seu negócio e comparar com os benefícios de um outsourcing.

Quer saber mais sobre consultorias, treinamentos e apoio de gestão? Então conheça o nosso diferencial agora mesmo.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário